Rádio Unama FM

Uma experiência de produção de conteúdo em uma universidade particular da Amazônia

Palavras-chave: rádios universitárias; UNAMA FM; radiojornalismo; experimentação; conhecimento.

Resumo

Pensar rádios universitárias, no Brasil, gera um desafio na observação dos seus planejamentos e de seus funcionamentos. O objeto de estudo deste artigo é mostrar a experiência da Rádio UNAMA FM, que entrou no ar em 2005 e pertence à Universidade da Amazônia (UNAMA). Nos eixos de análise, observam-se quatro pontos essenciais: o fato de ela ser uma experiência de rádio universitária na Amazônia; o planejamento e a execução do radiojornalismo emissora; a rádio universitária como espaço para experimentação e formação de novos profissionais; e a programação para buscar audiência além dos limites universitários. Usam-se os métodos da revisão de literatura e do estudo de caso, enquadrando a UNAMA FM como uma emissora educativa de perfil universitária em uma instituição particular na Amazônia. Como conclusões, entende-se a necessidade da ampliação do escopo das rádios universitárias, como um espaço de expansão de conhecimento – e a responsabilidade da UNAMA FM em ampliar as pautas amazônicas.

Biografia do Autor

Rodolfo Silva Marques, Universidade da Amazônia (UNAMA)

Docente da Universidade da Amazônia (UNAMA) e da Faculdade de Estudos Avançados do Pará (FEAPA). Dr. em Ciência Política pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS); Msc. em Ciência Política pela Universidade Federal do Pará (UFPA). Bacharel em Comunicação Social pela UNAMA.

Ivana Oliveira, Universidade da Amazônia
  • Professora-Doutora da Universidade da Amazônia (UNAMA) – Belém-PA-Brasil
  • Professora Titular do Programa de Pós-Graduação em Comunicação, Linguagens e Culturas da Universidade da Amazônia (UNAMA) – Belém-PA-Brasil
  • Doutora em Ciências do Desenvolvimento Socioambiental pelo Programa de Pós-Graduação em Desenvolvimento Sustentável do Trópico Úmido (PPGDSTU), no Núcleo de Altos Estudos da Amazônia (NAEA) da Universidade Federal do Pará (UFPA)
  • Currículo Lattes: http://lattes.cnpq.br/2354238224698969
  • https://orcid.org/0000-0003-3194-7529
Mário Camarão França Neto, Universidade da Amazônia
  • Professor-Adjunto da Universidade da Amazônia (UNAMA) – Belém-PA-Brasil
  • Coordenador dos Cursos de Comunicação Social da Universidade da Amazônia (UNAMA) – Belém-PA-Brasil
  • Mestre em Ciências da Comunicação pela Universidade do Minho (UM / Portugal). Atualmente, cursa doutorado em Cibercultura e Redes de Informação – Ciências da Comunicação, na UM.
  • Currículo-Lattes: http://lattes.cnpq.br/1672424578700939
  • E-mail: mariocamarao@gmail.com
  • ORCID: https://orcid.org/0000-0001-9763-6408

Referências

D’ANCONA, Matthew. Pós-verdade: a nova guerra contra os fatos em tempos de fake news. Tradução: Carlos Szlak. Barueri: Faro Editorial, 2018.

HERRERA HUÉRFANO, Eliana del Rosário. Apuntes para pensar la producción radial desde la academia. Signo y Pensamiento, Bogotá, n.38, p. 64-71, 2001.

KEMPF, Helena de Oliveira. Rádio Universitária Pública: reflexão sobre sua função. 2003. Monografia de Conclusão de Curso (Graduação)- Curso de Jornalismo, Faculdade de Biblioteconomia e Comunicação, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, mar. 2003. Não publicado.

KISCHINHEVSKY, Marcelo; MUSTAFÁ, Izani; PIERANTI, Octavio Penna; HANG, Lorena. Rádios universitárias no Brasil: Um campo em constituição. Revista Latinoamericana de Ciencias de la Comunicación, v. 15, n. 9, p. 132-142. Alaic: 2018.

KUNSCH, Margarida. Universidade e comunicação na edificação da sociedade. São Paulo: Loyola, 1992.

LEAL, Maria Cristina. Nas Ondas da Razão e da Ciência: a radioeducação como instrumento da modernidade no Brasil dos anos 20 aos 50. Rio de Janeiro: Ed. Moderna, 1999.

MARQUES DE MELO, José. Por uma política pedagógica para os órgãos laboratoriais dos cursos de jornalismo; Laboratórios de jornalismo: conceitos e preconceitos. In: Comunicação: teoria e política. São Paulo: Summus, 1985.

MCLEISH, Robert. Produção de rádio: um guia abrangente de produção radiofônica. São Paulo, Summus Editorial, 2001

MARTÍN-PENA, Daniel, PAREJO CUÉLLAR, Macarena, VIVAS MORENO, Agustín. La radio universitaria – Gestión de la información, análisis y modelos de organización. Barcelona: Gedisa, 2016.

ORTRIWANO, Gisela Swetlana. A Informação no Rádio: os grupos de poder e a determinação dos conteúdos. São Paulo: Summus, 1985.

PORTAL UNAMA. Disponível em www.unama.br. Acesso em 20 jan. 2021.

PORTAL UNAMA FM. Disponível em unamafm.com. Acesso em 20 jan. 2021.

SANTOS, Elias. UFMG Educativa. In: PRATA, Nair (org.). O rádio entre as montanhas: histórias, teorias e afetos da radiofonia mineira. Belo Horizonte: Fundac, 2010.

SANTOS, Izabelly. Rádio universitária na Amazônia paraense: um estudo das rádios UNAMA FM e rádio Web UFPA. Dissertação (Mestrado em Comunicação e Semiótica) – Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUCSP), São Paulo, 2019.

SPENTHOF, Edson Luiz. (2013). A importância das rádios e TVs universitárias como laboratórios. Comunicação & Informação (1), 2013, p. 153-166.

VILLAFAÑA, Irving Berlin. Las radios universitarias, subversión en los mercados? El caso mexicano: el Sureste. 1997. Dissertação (Mestrado em Comunicação Iberoamericana) - Universidad Internacional de Andalucía, Huelva, España. El Hilo de Ariadna, Mérida, n.3, set.-dez. 1998. Disponível em: Acesso em 30 jan. 2021.
Publicado
2021-11-19