Entrevista com Rui Moreira

Palavras-chave: Rui Moreira, Danças Negras, Poéticas Pretas

Resumo

A entrevista apresentada neste texto é parte da coleta de dados de um estudo que está sendo desenvolvido em nível de doutorado, projeto intitulado Masculinidades Negras na Dança: subjetividades dos corpos na produção do sensível. A pesquisa parte de um olhar sobre a trajetória do autor, um bailarino negro brasileiro, compreendendo a sua experiência profissional no campo da dança como uma ruptura de paradigmas, que significa quebras em relação ao padrão hegemônico de masculinidade negra e à visão estereotipada de homem negro, convencionada por uma sociedade estruturalmente racista e machista.

Biografia do Autor

Luciano Correa Tavares, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Luciano Correa Tavares é doutorando em Artes Cênicas e Mestre em Artes Cênicas pelo Programa de Pós-Graduação em Artes Cênicas da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (PPGAC/UFRGS). Formado em Biblioteconomia pela UFRGS foi bolsista do Programa BRAMEX no curso de Ciencias de la Comunicación na Universidad Autónoma Metropolitana (Cidade do México). Tem experiência em organização da informação e desenvolvimento de metadados, atuando principalmente na editoração de artigos e organização de acervos
pessoais. Atua como bailarino criador-intérprete na Eduardo Severino Cia. de Dança. É idealizador e organizador da mostra Masculinidades Negras na Dança. 

Verônica Prokopp, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)

Universidade Federal do Rio Grande do Sul. 

Referências

entrevista

Publicado
2020-12-05