“Jornalismo em Debate”: a ética jornalística no caso Cancellier discutida pela Rádio Ponto UFSC

  • Luana Viana Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)
  • Ivan Vilela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)
Palavras-chave: Ética, Jornalismo, Webradio

Resumo

O presente artigo tem como objetivo analisar fatos sobre a cobertura midiática da operação “Ouvidos Moucos” e do suicídio do reitor da UFSC, Luiz Carlos Cancellier, em 2017, de modo a entender se a imprensa respeitou a conduta ética dentro do contexto jornalístico. Para tal observação, recorremos como corpus dessa pesquisa ao programa Jornalismo em Debate veiculado pera rádio Ponto UFSC que traz como assunto principal a abordagem da imprensa sobre o caso. Por meio da análise de conteúdo, identificamos como resultados algumas das principais falhas cometidas pela imprensa, como falta de apuração, erro ao não buscar pela pluralidade de fontes, pressa em publicar os conteúdos, entre outras.

Biografia do Autor

Luana Viana, Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF)

Doutoranda em Universidade Federal de Juiz de Fora (UFJF), Mestre em Comunicação e Jornalista pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP). Membro do Grupo de Pesquisa Convergência e Jornalismo (UFOP) e do Grupo de Pesquisa Mediações e Interações Radiofônicas (UERJ-UFRJ).

Ivan Vilela, Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP)
Graduando em jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP).

Referências

ASSIS, Ingrid ; Pereira; BETTI, Juliana Gobbi; MEDITSCH, Eduardo. Ensino de Jornalismo: prática laboratorial na era da convergência. In: Anais do XVIII Congresso de Ciências da Comunicação na Região Sul, Caxias do Sul - RS, 2017.

BAHIA, Ana Lúcia Alves ; RIGUEIRA, Marina Rigueira Carlos e. A ética e o ensino de jornalismo.

Mediação, Belo Horizonte, jan/jun 2009.

BARBOSA, Ana Carla; OGASAVARA, Rômulo; BENAZZI, Lauriano A. Jornalismo e Suicídio: ética e noticiabilidade. In: Anais XXXIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Caxias do Sul, 2010.

BERTÊ, Júlia Magalhães ; SEIBT, Taís. Interesse público e liberdade de expressão: a ética jornalística em evidência no debate sobre a autorização prévia de biografias. In: Anais XXXIX Congresso Brasileiro ee Ciências Da Comunicação, 2016, São Paulo (SP).

BUCCI, Eugênio. Sobre ética e imprensa. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

CONFEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS. Código de Ética dos Jornalistas Brasileiros, 2007.

CÔRTE, Eltrina; KHOURY, Hilma Tereza Tôrres; MUSSI, Luciana Helena . Suicídio de idosos e mídia: o que dizem as notícias?. Psicologia USP, v. 25, p. 253-261, 2014.

HIME, Gisely Valentim Vaz Coelho. Construindo a Profissão de Jornalista: Cásper Líbero e a Criação da Primeira Escola de Jornalismo do Brasil. In: Anais do XXVIII Congresso Brasileiro de Ciências da Comunicação. Rio de Janeiro/RJ, 2005.

LOPEZ, Debora Cristina; AVELAR, Kamilla Morando; VIANA, Luana. Panorama das webradios de universidades federais do Sul do Brasil. Estudos de Jornalismo e Mídia, v. 13, p. 98-108, 2016

PRATA, Nair; BIANCO, Nélia. Perfil do ensino de rádio no Brasil. In: ZUCULOTO, Valci; KISCHINHEVSKY, Marcelo; LOPEZ, Debora Cristina. (Org.). Estudos Radiofônicos no Brasil - 25 anos do Grupo de Pesquisa Rádio e Mídia Sonora da Intercom. 1ed. São Paulo: Intercom, 2016, v. 1, p. 204-215.

SPENTHOF, Edson Luiz. A importância das rádios e TVs universitárias como laboratórios. 1998. p.153-166.

VIANA, Luana; MARITAN, Matheus; SANTOS, Priscila. Um retrato do consumo de mídias por estudantes de jornalismo da Universidade Federal de Ouro Preto. Temática - Revista eletrônica de publicação mensal, v. 13, p. 199-211, 2017.

YOBA, Carlos Pedro Cláver. Ética e deontologia profissionais do professor universitário. Constr. psicopedag., São Paulo , v. 18, n. 16, p. 34-44, jun. 2010 .

ZUCOLOTO, Valci. O rádio público no Brasil: resgate histórico e transformações contemporâneas das rádios Nacional e MEC do Rio de Janeiro. In: OLIVEIRA, Madalena; PRATA, Nair. (Org.). Rádio em Portugal e no Brasil: trajetória e cenários. Braga: Centro de Estudos de Comunicação e Sociedade - Universidade do Minho, 2015, p. 65-82. (v. 1).

Publicado
2020-01-04
Edição
Seção
Artigos