Reflexão mediada ou imediata

uma reavaliação ricoeuriana do modo como se deve pensar o sujeito cartesiano

  • Barbara Tortato
Palavras-chave: literatura, sujeito, interpretação, mediação

Resumo

Procuraremos justificar, no presente artigo, a importância da literatura na construção do sujeito ricoeuriano, mostrando ser indefensável a suposição cartesiana de que o autoconhecimento é atingido por meios intuitivos. No lugar da reflexividade intuitiva cartesiana sugere-se a reflexividade mediada. Esta mediação é o próprio ato interpretativo. Ricoeur sugere que o símbolo, o texto, a narrativa, estão nos convidando a um “situar-se no mundo”, já que são um laboratório de experiências, reforçando o papel de intérprete do sujeito. O leitor compreende a si mesmo quando traz a este si significados que conquistou nesta interpretação, ou seja, o sujeito é constituído nesta sua “ida ao texto”, é ele que se compreende ao “ir ao texto”. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Barbara Tortato

Mestre em Filosofia pela Universidade de Coimbra

Referências

RICOEUR, Paul. Philosophie de la volonté: Le Volontaire et l'Involontaire. Paris: Aubier, 1950.

______. Temps et Récit I: L’intrigue et le récit historique. Paris: Seuil, 1983.

______. Temps et récit III: Le temps raconté. Paris: Éditions du Seuil, 1985.

______. Soi-même comme un autre. Paris: Éditions du Seuil, 1990.

______. Réflexion faite: Autobiographie intellectuelle. Paris: Éditions du Seuil, 1995.

______. De l’interpretation: essay sur Freud. Paris: Éditions du Seuil, 1965.

______. Do texto à acção. Porto: Ed. Rés.

MURIEL, Gilbert. L’identité narrative: une reprise à partir de Freud de la pensée de Paul Ricœur. Gèneve: Labor et Fides, 2001.

PELLAUER, David, Compreender Ricœur. Rio de Janeiro: Ed Vozes, 2010.

PORTOCARRERO, Maria Luísa. A hermenêutica do conflito em Paul Ricœur. Coimbra: Minerva, 1992.

______. Conceitos Fundamentais de Hermenêutica Filosófica. Coimbra, 2010. In: http://www.uc.pt/fluc/lif/publicacoes/textos_disponiveis_online/pdf/conceitos_herm Acessado em: 23/07/2014.

Publicado
2020-09-26